Dicas de limpeza e organização

Veja os valores para sua cidade

Bebês recém-nascidos e animais de estimação: Uma relação de amor e respeito

Publicado em: quinta-feira, setembro 28, 2017bebês recém-nascidos

Inscreva-se em nosso canal no YouTube


Muitas mamães de primeira viagem têm receio em ter um animal de estimação em casa junto com o filho que vai nascer. Afinal, elas ficam inseguras do cãozinho ou gatinho machucar o neném, causar alergias ou medo. Porém, a Dr. Lava Tudo vai te mostrar que a relação entre pets e bebês recém-nascidos pode ser muito saudável, com os devidos cuidados.

Confira tudo sobre o convívio dos bebês recém-nascidos com os animais, seus benefícios e cuidados que devem ser tomados tanto com os bebês quanto com as grávidas.

Por que pode ser bom que os bebês recém-nascidos convivam com pets?

bebês recém-nascidos pets

1.      Contribui para socialização das crianças

Quando os bebês convivem com animais, eles desenvolvem habilidades de socialização que serão ótimas futuramente, para convivência com os amiguinhos.

Enquanto brinca com o pet, o bebê desenvolve sua coordenação motora e as reações ao comportamento do bicho aumentam naturalmente a autoestima e as habilidades de convivência.

2.      Dá senso de responsabilidade aos pequenos

Quando as crianças estiverem um pouco mais velhas, ajudar a cuidar do pet aumenta seu senso de responsabilidade. Dar banho, ração, brincar são tarefas que podem ser feitas pelas crianças e que desenvolvem uma rotina de obrigações saudáveis e divertidas na vida da criança.

3.      Reduz os riscos de alergias

Apesar de muitas pessoas acreditarem que os animais de estimação podem causar alergias nos bebês, uma pesquisa publicada em 2013 na revista científica Pediatrics mostra justamente o contrário.

Se o contato com o animal foi feito desde o primeiro ano de vida, a criança terá um fortalecimento no seu sistema imunológico. Isso significa que os pelos do animal podem levar a uma possível melhora na resistência a infecções respiratórias e até infecções no ouvido.

Cuidados importantes que devem ser tomados

Se você já tem um pet em casa, alguns meses antes da criança nascer procure mudar os hábitos e a rotina do seu animal. Tente, por exemplo, obstruir alguns locais de passagem como o quarto do bebê para que ele aprenda onde não pode transitar.

É importante também mostrar para ele que existem limites em relação a alguns objetos na casa. Dessa forma, ele será conduzido a entender que não pode pular no berço, por exemplo. Se necessário, conte com a ajuda de um adestrador profissional.

Depois que a criança nascer, é importante apresenta-la ao animal, proporcionar a convivência entre os dois, mas sempre com atenção. Dessa forma, você evita que seu filho desenvolva medo de animais.

Confira outros cuidados importantes com os bebês recém-nascidos e com as grávidas:

Cuidados com as grávidas

bebês recém-nascidos gravida

As mamães que estão esperando a chegada no bebê também devem tomar alguns cuidados com os animais de estimação.

  • Caso o animal seja de grande porte, tome cuidado para que ele não te derrube;
  • Mantenha seu bichinho sempre vacinado e vermifugado, para evitar a contração de doenças;
  • Evite limpar a urina e fezes do pet. Enquanto estiver grávida, é mais indicado que você peça a outra pessoa que faça essa tarefa;
  • Converse com seu obstetra para verificar as recomendações em relação ao seu animal de estimação.

Cuidados com os bebês recém-nascidos

  • Fique sempre atento

Com bebês recém-nascidos e pets em casa a atenção deve ser redobrada. É muito comum que as crianças apertem ou abracem o animal com força, já que ainda não têm noção do corpo. Em reação, o animal pode morder ou arranhar a criança, por isso é muito importante ficar de olho.

  • Leve o animal ao veterinário regularmente

Para garantir a saúde do seu bichinho, é importante sempre levá-lo ao veterinário para tomar vacinas, vermífugos e fazer os exames necessários. Contudo, com a chegada do bebê isso passa ser ainda mais importante para que ambos fiquem seguros.

O banho no animal deve ser dado com mais frequência, para evitar alergias e outras contaminações.

  • Mantenha sua casa sempre limpa

Como os animais soltam muito pelo e acumulam bactérias e ácaros no corpo, é muito importante que você intensifique a limpeza em casa. Para evitar que seu filho tenha alergias ou contraia outras doenças, sempre lave as roupinhas da criança, roupas e colchão do bercinho e o bebê conforto.

Mantenha o local onde seu pet faz suas necessidades longe do quarto da criança. A proliferação de bactérias pode ser prejudicial à saúde do bebê.

Você sabia que existem alguns tipos de berço mais fáceis de limpar e que causam menos alergias? Confira tudo sobre como escolher o melhor berço para seu bebê recém-nascido.