Dicas de limpeza e organização

Veja os valores para sua cidade

Casinha de cachorro: veja como limpar o cantinho do seu pet

Publicado em: segunda-feira, janeiro 15, 2018casinha_de_cachorro2

Inscreva-se em nosso canal no YouTube


Os animais de estimação estão recebendo um tratamento cada vez mais humanizados e se tornando verdadeiros membros das famílias. Com a convivência mais próxima, os bichinhos passam grande parte do tempo dentro de casa, e isso exige alguns cuidados. A casinha de cachorro e do gato, por exemplo, merece atenção especial. O pet passa bastante tempo no local, é comum que ele acumule sujeira e resíduos e acabe se tornando o local ideal para a proliferação de bactérias, ácaros e fungos.

Esses pequenos agentes infecciosos representam um perigo, não apenas para o animal, mas para toda a família, sendo responsáveis por doenças respiratórias e alergias.

Mas você sabe como se livrar dessa sujeira e limpar a cama do seu pet da forma mais adequada? Continue a leitura desse post e confira dicas para higienizar a casinha de cachorro e manter seu lar longe de doenças.

Como a casinha de cachorro fica suja?

Pense na rotina do seu animal de estimação. Certamente você tem o dia de levá-lo para passear. Na rua, ele entra em contato com terra e asfalto e, consequentemente, com a sujeira deixada por outras pessoas, a pé ou de carro.

Quem mora em casa com quintal, especialmente aqueles que possuem alguma área com terra, sabem que a possibilidade de se sujar é ainda maior.

Como o pet não toma banho todo dia – prática que os médicos orientam a evitar, o pelo e as patas acumulam sujeira por mais tempo e esses resíduos são levados para a casinha de cachorro e também para os cômodos onde transita.

3 truques simples para manter a casinha de cachorro sempre limpa

casinha_de_cachorro

Se você é dono de um pet, mas ainda tem alguma dúvida sobre a higienização da caminha do cachorro, apresentamos 3 truques que vão facilitar a sua vida.

1 – Compre uma caminha de boa qualidade

Na hora de comprar produtos para os bichinhos, é tentador escolher as opções fofas e bonitinhas que estão disponíveis no mercado. Mas, beleza não é tudo!

Com o crescimento da indústria de pet, a oferta de itens está cada vez maior e é possível comprar produtos de qualidade com um bom custo-benefício.

Avalie se a caminha de cachorro é confortável, se o cão vai gostar dela, e, é claro, se o material é de fácil higienização. Afinal, do que adianta ela ser linda se você não conseguir fazer a higienização?

2 – Cuide da limpeza do seu cãozinho

Mesmo que você esteja sempre lavando a casinha de cachorro, ela vai continuar suja se o pet não tomar banho.

Mantenha uma rotina adequada de cuidados com o cachorro, fazendo o uso de produtos veterinários e próprios para o tipo de pelagem. Aliás, se o pelo for muito denso, acrescente a escovação no cronograma de higienização.

3 – Limpe as patinhas após o passeio

Você deita na sua cama com os pés sujos? A resposta provavelmente é não. Leve esse hábito de higiene também para os animais.

Sempre que levar o cachorro para passear, limpe as patas assim que chegar em casa. É uma forma de retirar o excesso de sujeira da rua e evitar acúmulo de resíduos na caminha, além de manter a sua própria casa mais higienizada.

E quando a casinha de cachorro deve ser lavada?

Manter uma regularidade na limpeza da casinha de cachorro é regra de ouro na lista de cuidados com pet.

O ideal é que pelo menos uma vez por mês a caminha seja lavada, juntamente com capas, mantinhas ou qualquer objeto de tecido que o cão utilize diariamente. Recomenda-se, também, a aplicação de spray contra pulgas e carrapatos na casinha e área ao redor.

Além dessa limpeza mais completa, é necessário higienizar o lugar toda semana, retirando a poeira e excesso de pelos.

Passo a passo para limpar a casinha de cachorro

Agora que você já sabe como evitar o acúmulo de sujeira e qual deve ser a frequência da higienização, vamos te ensinar, passo a passo, a limpar a caminha do seu pet.

  • Escolha produtos aprovados por veterinários

A língua é uma parte importante de contato do cão com o mundo, por isso ele tem o hábito de lamber o chão e colocar objetivos na boca. Assim, a escolha do produto adequado é muito importante.

Leia as embalagens e fique atento aos componentes químicos. Amônia, clorídrico, óxido de cálcio, sulfúrico, silicato de sódio, trietanolamina e peróxido de carvalho são proibidos. Cuidado também com produtos de cheiro mais forte.

A casinha pode até ficar limpa, mas o bichinho corre o risco de adoecer. Se estiver na dúvida, peça ajuda ao veterinário para comprar só aquilo que não faz mal.

  • Limpe a superfície com auxílio de aspirador de pó

Antes de “colocar a mão na massa” e usar os produtos, retire o excesso de pelos e outros resíduos com um aspirador de pó.

Além de facilitar o processo de lavagem, você protege a sua máquina de lavar de possíveis danos.

  • Separe as partes que compõem a caminha

Antes de lavar, separe todas as partes da caminha do cachorro. É bem mais fácil lavar se estiver tudo separado – capas, espumas, etc.

Se o seu cachorro dorme em uma casinha de madeira, plástico ou algum outro material, faça essa separação com os objetos de tecido, como almofadas e mantinhas.

  • Verifique a etiqueta

A lavagem de cobertas e partes da caminha pode ser feita à mão ou na máquina. Siga as recomendações da etiqueta para um resultado melhor.

Lave com água quente, para otimizar a eliminação de bactérias e enxague bem para retirar o sabão completamente.

  • Deixe tudo bem sequinho

A última etapa é secar bem tudo o que tiver sido lavado. O mínimo de umidade pode dar início a problemas maiores, acumulando fungos e mofando a caminha do seu cachorro ou espaço preferido do gato.

Receita caseira para limpar o quintal

casinha_de_cachorro_vinagre

Para as casas com quintal, o cuidado coma área externa também é importante para evitar a proliferação de microrganismos e manter a sua casa limpinha e saudável. Confira uma receita simples para fazer aí na sua casa.

Você vai precisar de:

Água morna;
Vinagre branco.

Como fazer?

Prepare uma solução usando os dois ingredientes na proporção de 2/3 de água para 1/3 de vinagre.

Onde usar?

Jogue a mistura por todo quintal e onde o cachorro faz as suas necessidades. Se ele sujar alguma área interna, a solução também pode ser usada. Além de limpar, o vinagre também ajuda a eliminar o cheiro de xixi.

Além da casinha de cachorro: potinhos também devem ser higienizados

Os potinhos utilizados para servir a ração e outros alimentos ao cachorro devem ser higienizados diariamente. A refeição fica mais prazerosa e você ajuda a diminuir a chance de contaminação com vermes.

Faça a limpeza com água corrente, uma esponja e sabão neutro esfregando bem toda a superfície e, depois, enxaguando até eliminar qualquer vestígio de produto de limpeza. Seque com um pano ou papel toalha antes de voltar a usar.

Atenção redobrada na limpeza de toda a casa

E se você está pensando que a rotina de limpeza para por aí, está enganado. Donos de cães e gatos precisam de ter atenção em todo o processo de higienização da casa.

Manter a pelagem escovada ajuda a reduzir a quantidade de pelos espelhados pelo chão dos cômodos, bem como uma alimentação balanceada – contribuindo para fortalecer os fios.

Mesmo assim é inevitável que, em algum momento, a casa esteja cheia de pelos. Limpe tudo com aspirador de pó. Nas roupas, use rolos de fita adesiva, própria para esse tipo de limpeza.

Para os carpetes, um truque imperdível é o uso do rodinho de pia. Com ele você consegue juntar todos os fios em um único canto, facilitando o procedimento.

Quais doenças podem ser provocadas pela falta de limpeza?

O excesso de poeira somado ao excesso de pelos e resíduos de pele do animal criam um ambiente propício para a proliferação de ácaros, fungos e bactérias.

Por isso, a limpeza da casinha de cachorro, em como de todo a casa, é imprescindível para manter a família saudável.

Se conseguirem se desenvolver, esses microrganismos podem provocar alergias, rinite, dermatite, asma alérgica, conjuntivite e até escabiose (sarna).

Cuidado especial com os locais feitos de “casinha de cachorro”, como o sofá

casinha_de_cachorro_sofa

Além da caminha, redobre os cuidados com os locais em que seu pet mais transita e permanece deitado, como sofás e tapetes.

Caso ele durma na sua cama, troque lençóis e cobertores com frequência, e aumente os cuidados com a higienização do gato ou do cachorro.

Abandone o espanador e o substitua por um pano úmido, para limpar os móveis e use um aspirador de pó em todos os cômodos.

Faça uma limpeza (mesmo que simples e rápida) todos os dias, e use somente produtos aprovados pelo veterinário.

Evite excessos de móveis e objetos difíceis de limpar. Lembre-se: a casa precisa estar limpa todos os dias, e grandes armários de madeira ou tapetes muito felpudos não combinam com praticidade.

E se precisar de uma limpeza profunda no seu carpete ou nos estofados da casa, conte com a Dr. Lava Tudo. Aqui oferecemos uma série de serviços especializados, garantindo que seus móveis continuem bonitos e com cara de novos. Converse com um consultor e conheça nosso portfólio.