Como criar cachorro e bebê em um mesmo ambiente? [Guia Completo]

Publicado em: segunda-feira, novembro 23, 2020

Inscreva-se em nosso canal no YouTube


A chegada do bebê pode trazer vários medos e preocupações, principalmente se você tem um animal de estimação. Ser mãe ou pai de Pet já requer vários cuidados com a casa e com o animal, mas quando o nascimento do bebê é adicionado à equação, surge a dúvida de como as coisas serão daqui pra frente.

“Será que eles vão se dar bem?”, “o cachorro pode passar alguma doença para o bebê?”, “o cachorro sente ciúmes?” são algumas das perguntas que os pais e mães de plantão sempre possuem.

Então, no post de hoje, vamos tirar todas as suas dúvidas sobre essa convivência e os cuidados que você precisa adotar a partir de agora, em relação ao bebê, ao cachorro e à sua casa.

Cachorro e bebês recém-nascidos podem conviver juntos?

A resposta é sim, mas é necessários tomar certos cuidados! A chegada do novo integrante da família não significa que o pet precisa ser mandado para outra casa.

É importante manter uma certa distância e estabelecer restrições de convívio entre o cachorro e bebê recém-nascido. Isso ao menos nos primeiros meses de vida, em que o sistema imunológico do bebê não está totalmente desenvolvido.

Após esse período mais crítico, a relação entre o cachorro e o bebê pode ser bastante benéfica durante o crescimento de ambos.

Especialistas pontuam que é importante já preparar o cachorro antes mesmo do nascimento. Afinal, grandes mudanças acontecerão, então a primeira dica é expor o seu pet a outras crianças em um ambiente seguro, em que você possa controlar a interação.

Como preparar o cão para a chegada do bebê?

Analise como ele se comporta quando busca atenção e outros padrões de comportamento. O bebê vai tomar todo o seu tempo, então seu cachorro naturalmente vai ser negligenciado.

Se você notar que o seu amiguinho de 4 patas não vai se adaptar bem às mudanças, é hora de treinar seu pet. Para isso temos  4 dicas de adestramento para que ele possa seguir ordens simples e você tenha mais controle para cuidar de todos da casa.

Outra dica valiosa: Nunca castigue ou repreenda o cão na presença do bebê. Tente recompensá-lo com elogios e petiscos toda vez que ele se comportar. Assim ele interpreta a convivência com o novo integrante da família como algo positivo.

De qualquer forma, os primeiros meses da vida do bebê precisam de muito cuidado, então essa aproximação entre o cachorro e bebê recém-nascido deve ser cuidadosa e lenta.

Tenha paciência, ao longo do tempo, os dois podem se tornar grandes amigos. E todo mundo torce por isso.

Afinal, quem não se derrete ao ver imagens de cachorro e bebê juntos? Não tem nada mais fofo em ver os dois se dando bem, não é?

Com quantos meses o bebê pode ter contato com cachorro?

cachorro-bebê-recém-nascido

O sistema imunológico do bebê recém-nascido ainda se encontra em desenvolvimento nos primeiros 6 meses de vida. Por isso, essa fase necessita de atenção e um certo limite de contato entre o cachorro e bebê. Busque sempre a orientação do pediatra.

A primeira interação é também importante, mas não force ou exponha o bebê a um possível risco, se você não sabe como seu cachorro irá reagir.

A dica é apresentá-los quando o cachorro estiver calmo. Se você sentir segurança, você pode deixá-lo cheirar ao menos os pezinhos do bebê e, depois, recompensá-lo pelo bom comportamento.

O cachorro pode transmitir doenças para o bebê?

O cachorro transmite doença para bebê sim. Na verdade, ele pode transmitir para qualquer ser-humano, como micose, raiva, doença de Lyme e verminoses. Por isso cuidar da saúde dele e manter o acompanhamento veterinário é tão importante.

Mesmo que o bebê não tenha alergia ao seu bichinho, o pelo do animal é capaz de agravar outras doenças respiratórias, como a asma.

Por essa razão, a limpeza periódica de toda a casa é fundamental, principalmente dos estofados, como sofá e colchão.

Com tantas responsabilidades e tempo reduzido, a melhor opção para papais e mamães é contar com a ajuda de Profissionais em higienização de estofados e casa.

Outro ponto importante: a higiene do cachorro não é tão bem cuidada quanto a nossa, então ele está exposta a mais micro-organismos que podem transmitir doenças. Isso pode ser ainda mais perigoso para o bebê recém-nascido.

Dessa forma, converse bem com o pediatra da criança, leve o cachorro ao veterinário periodicamente e tenha certeza que as vacinas do animalzinho também estejam em dia.

O cachorro sente ciúmes do bebê?

A história do cachorro ciumento pode se tornar verdadeira depois que bebê chega e ele deixa de ser o favorito. O cão pode começar a tentar chamar sua atenção e se colocar entre você e à pessoa que causou esse sentimento de abandono.

Na internet você encontra diversos imagens e vídeos fofos de cachorros com ciúmes e, apesar de fofos e engraçados, você não vai querer esse tipo de reação na sua própria casa.


Isso pode levar a ações mais agressivas, ao menos para um bebê. Então, para evitar episódios de cachorro com ciúmes do bebê, é necessário analisar e já preparar o bichinho antes do nascimento, como dissemos antes

Bebê e cachorro em apartamento: o que fazer?

Já ouviu a frase “cada um no seu quadrado”? Essa deve ser a orientação se sua casa não é tão grande. O primeiro passo é definir qual o espaço o cachorro pode acessar e já ensiná-lo onde ele não deve entrar, como o quarto do bebê.

O adestramento é muito importante para que ele obedeça e faça as necessidades no local certo. Assim você evita dores de cabeça futuro.

Além disso, para tornar o cachorro menos ansioso e mantê-lo ativo, não deixe de levá-lo para passear.

Rotina de cuidados com o cachorro e bebê

A regra é clara: se você cuida de um cachorro e um bebê, isso significa que você é mãe/ pai duas vezes. Então é trabalho e preocupações em dobro!

Obviamente o bebê vai preencher todo o seu tempo e não é possível controlar muito bem o comportamento dele, mas você já consegue impor uma rotina e regras para o cachorro seguir.

É necessário balancear as necessidades do cão, com as do filho e organização da casa, para garantir um bom convívio.

Antes mesmo da chegada do bebê, já estabeleça uma rotina para o cachorro comer e passear nas horas corretas. E tente seguí-la durante o crescimento da criança.

Saúde do cachorro: um cuidado necessário

cachorro-ciumento

Como explicamos anteriormente, o cachorro pode ser sim pivô de doenças que afetam a saúde do bebê e das outras pessoas da casa. 

Pense um pouco sobre isso, com qual frequência você leva seu pet para o veterinário? Você está prestando atenção na saúde, hábitos e vacinação dele?

Essas perguntas podem demonstrar que você é um desses 3 tipos de dono de pet: 

  1. O que não sabe responder e se perde em todos os cuidados e medicamentos que o bichinho deveria tomar;
  2. O que se preocupa demais, é super-protetor e quer levar o cão mais vezes;
  3. Ou o que entende a necessidade do acompanhamento periódico, mas tem receio em relação aos valores elevados da consulta e um lugar confiável onde deve levar seu amiguinho.

Não importa o tipo de dono que você é, aí vai uma dica valiosa: contrate um plano de saúde para o seu pet!

Você encontra no mercado plano de saúde para gato e cachorro, com valores que cabem no seu bolso e de acordo com as necessidades do seu filhinho de quatro patas. 

Ao contratar um plano de saúde pet, você já se prepara em caso de alguma emergência, podendo levar o animal a qualquer clínica de cães e gatos da rede conveniada, sem custos extras.

Nós da Dr. Lava Tudo recomendamos a empresa Dog Life que possui um atendimento confiável e seguro.

cachorro-e-gato

Como garantir o bem-estar do bebê

A saúde do bebê é ainda muito sensível e até os pequenos cuidados, como tirar a poeira do quarto e escolher os produtos de limpeza correto já fazem toda a diferença. Por isso preparamos  10 dicas FÁCEIS e PRÁTICAS para limpar quarto do seu bebê de forma correta.

Mesmo assim, se você convive com cachorros, é quase impossível se livrar dos pelos que acumulam em toda a casa.

A pior parte é que o pelo fica impregnado no tecido, junto a sujeira do dia a dia e também a outros agentes que causam alergia, como os ácaros fungos e bactérias. Também conhecidos como os grandes vilões da saúde respiratória.

Para entender mais sobre o por quê disso acontecer, confira o vídeo abaixo, em que explicamos tudo o que você precisa saber sobre a queda de pelos e como evitá-la:

Para driblar as crises alérgicas e doenças respiratórias, decorrentes do pelo e sujeira, é importante tomar certas medidas urgentes manter a saúde da sua família.

Manter a limpeza de toda a casa em dia é prioridade! Mas além disso, você não pode se esquecer dos móveis como sofás, colchões poltronas e tapetes.

Em situações assim, contar com a ajuda de profissionais em Higienização de estofados como a Dr. Lava Tudo é a melhor opção, já que os técnicos em limpeza vão até você no dia e horário que desejar, limpando profundamente os móveis e eliminando toda a sujeira que ameaça a saúde do seu bebê.

Parceria Dr. Lava Tudo e Dog Life

Se você leu até aqui, então já entendeu todo o cuidado necessário para cuidar e proteger a sua família, mas ainda temos uma surpresa.

Aí vai uma novidade incrível: Dr. Lava Tudo e a Dog Life estão juntas em uma parceria que vai levar um cuidado completo para a sua casa e para o seu pet! Afinal: Não basta ter a casa limpa e não cuidar da saúde do amiguinho de quatro patas, né?

Com uma grande rede credenciada em Minas Gerais, São Paulo e no Distrito Federal, a Dog Life tem a finalidade de fazer com que você tenha uma previsibilidade de gastos com a saúde do seu pet e garantir a ele uma proteção completa e de qualidade, através de planos de saúde personalizados. 

Então corra e descubra qual o plano mais adequado para o seu animalzinho e que cabe no seu bolso! É só acessar https://www.doglife.com.br/

E também conte com a  Dr. Lava Tudo para realizar a higienização especializada nos estofados da sua casa, é só ligar para 0800 944 9999 ou, se preferir, acessar o site drlavatudo.com 

Aí vai uma novidade para você tem um bichinho em casa! Tenho certeza que vai adorar nosso Guia Definitivo para donos de pets, um ebook com mais de dez dicas da adoção à rotina do cachorro e gato. Confira e aprenda a cuidar melhor do seu amiguinho!