Dicas de limpeza e organização

Veja os valores para sua cidade

Crise alérgica: você não precisa mais passar por isso!

Publicado em: terça-feira, julho 31, 2018crise alergica

Inscreva-se em nosso canal no YouTube


Quem sofre com crise alérgica sabe o quanto é ruim estar em contato com elementos que desencadeiam o problema.

Mofo, poeira, pelos de animais, tempo seco. Começa com uma pequena coceira no nariz e logo a respiração fica pesada e os sintomas vão piorando, variando de intensidade de uma pessoa para outra.

Mas é possível eliminar os agentes que provocam a crise alérgica e amenizar o problema.

É melhor prevenir que remediar

crise alergica

A crise alérgica é uma reação natural do nosso organismo em resposta a alguma substância que o corpo considera estranha.

A herança genética é um dos fatores que explicam a tendência de uma pessoa para desenvolver alergia: estima-se que 40% das pessoas podem ter o problema se os pais também tiverem.

Em relação às causas, os ácaros são responsáveis de 90% dos quadros de alergia respiratória no Brasil. Com um número tão assustador, nada melhor do que eliminar esses microrganismos da casa e garantir mais saúde em qualquer época do ano.

A poeira também é um agente alergênico facilmente encontrado nas residências. Pode provocar crises fortes e ser bastante prejudicial. Leia mais sobre o assunto.

Como os ácaros se desenvolvem?

Os ácaros são aracnídeos microscópicos, invisíveis a olho nu, que vivem em locais como tapetes, bichos de pelúcia, sofás, travesseiros e colchões. Em apenas 1 metro quadrado de tecido é possível encontrar cerca de 100 mil desses animais!


Você e sua família vivem no lixo e nem sabem!

Sua casa pode estar repleta de ácaros que vivem na poeira. Sabe aquele momento em que você começa a espirrar sem motivos? São eles! Ácaros também podem trazer doenças respiratórias para toda a família!

Pense agora o quanto seria agradável relaxar no sofá profundamente, recuperar sua energia, sem tosses ou espirros. É muito mais disposição para dar conta das suas tarefas. E essa vida é para você!

Para alcançar essa tranquilidade, identifique quantos ácaros vivem em sua casa. Nós criamos uma calculadora exclusiva para isso. Gratuitamente dá para estimar essa quantidade para potencializar o bem-estar em sua casa. Calcule agora!


Eles se desenvolvem em locais úmidos e se alimentam de restos de pele humana – que saem naturalmente do nosso corpo, no processo de renovação celular. Ou seja: o contato direto com os vários móveis da casa é um prato cheio para os ácaros, e um risco para os moradores.

Limpeza de estofados como sofás e colchões é essencial

Passamos cerca de 8 horas por dia dormindo, deixando todo o corpo em contato com o colchão e o rosto com o travesseiro.

A escamação da pele, juntamente com o suor, cria o ambiente perfeito para os ácaros. E aí não tem jeito: a crise alérgica se manifesta rapidamente e, muitas vezes, de maneira intensa.

Limpar os estofados é fundamental para evitar a proliferação dos ácaros. Troque as roupas de cama regularmente e, sempre que possível, deixe o colchão respirando e tomando sol. Faça o mesmo com o travesseiro.

Outro cuidado é providenciar a substituição do colchão quando for necessário, já que, com o tempo, a quantidade de ácaros no interior pode ultrapassar os 10%.

Capriche na higienização de tapetes e cortinas

Dispense o mesmo tipo de cuidado aos tapetes e cortinas. Use o aspirador de pó para remover pelos de animais, poeiras e outros resíduos.

Para uma limpeza mais profunda, use produtos caseiros, a base de vinagre e bicarbonato de sódio, para deixar o tapete higienizado e sem manchas.

Veja as receitas de soluções caseiras de higienização da Dr. Lava Tudo e saiba como deixar tapetes e carpetes sempre limpos.

Não se esqueça do ar-condicionado

O ar-condicionado é outro item que costuma agravar os quadros de crise alérgica. Os filtros devem ser limpos pelo menos uma vez por mês, com produtos específicos para isso e o suporte do aspirador de pó.

Além disso, o eletrodoméstico deve receber limpeza profissional anualmente, no caso de uso doméstico, ou uma vez a cada seis meses, quando estiver instalado em escritórios e outros ambientes de trabalho.

O mofo se desenvolve em ambientes úmidos e escuros e provoca uma série de doenças, inclusive as alergias respiratórias. Veja, aqui, como identificar e eliminar o problema.

A crise alérgica chegou. E agora?

crise alergica

Dificuldade para respirar. Muita tosse. Sensação de cabeça pesada e nariz entupido. Passar por uma crise de alergia respiratória pode ser realmente desesperador e deixar a pessoa sem saber o que fazer.

Se você ainda não sabia de todas essas dicas e está com uma crise alérgica, temos algumas dicas para aliviar os sintomas e amenizar o mal-estar:

1.      Fique calmo

Por pior que a crise alérgica seja, é necessário manter a calma. Se você se desesperar, os sintomas podem piorar.

2.      Use spray nasal

Em casos de congestão nasal, use um spray para limpar as vias respiratórias. Normalmente eles são compostos por cloreto de sódio e não agridem a mucosa. Use um descongestionante indicado por um médico ou farmacêutico.

3.      Ingira um histamínico

Se a crise for mais forte, pode ser preciso fazer uso de histamínicos, que são medicamentos antialérgicos.

Novamente, fique atento às composições e só use medicamentos indicados por profissionais de saúde.

4.      Procure um pronto-socorro

Quando a crise alérgica é muito intensa e o paciente sente bastante dificuldade de respirar, o ideal é procurar um médico imediatamente e receber a medicação necessária.

5.      Faça acompanhamento médico regular

O mais importante para tratar e evitar a crise alérgica é fazer acompanhamento com um médico especialista.

O profissional vai identificar as causas do problema e prescrever um tratamento para manter o paciente estável – em vez de apenas medicamentos para usar em casos de manifestação da doença.

Vá a um médico de confiança e siga todas as orientações.

Confira outras informações sobre o assunto na entrevista que fizemos com um especialista em doenças respiratórias.

Combate aos agentes alérgicos

Além de fazer acompanhamento médico e os tratamentos de saúde indicados, é essencial identificar os agentes que provocam a crise alérgica e combatê-los.

Agentes como poeira, mofo, pelos de gatos e cachorros, pólen de flores e ácaros são prejudiciais e devem ser eliminados da casa.

Objetos como bichos de pelúcia, tapetes felpudos e itens decorativos que acumulam poeira e ácaros devem ser eliminados dos ambientes frequentados pela pessoa alérgica.

Já os tapetes comuns, sofás, e colchões precisam de cuidados especiais, como o uso de capas protetoras e a limpeza profunda em períodos menos espaçados.

Nossos serviços podem te ajudar!

A Dr. Lava Tudo possui um portfólio completo de soluções de limpeza e manutenção da casa que podem fazer toda a diferença para quem tem crises alérgicas.

Realizamos limpeza e impermeabilização de colchões e sofás, higienização de tapetes, carpetes, ar-condicionado e muito mais.

Conheça as nossas soluções de limpeza e faça um orçamento.