Dicas de limpeza e organização

Veja os valores para sua cidade

Enxoval do bebê: como escolher o tecido ideal?

Publicado em: segunda-feira, agosto 21, 2017enxoval do bebê

Inscreva-se em nosso canal no YouTube


É muito comum que, ao descobrir a gravidez, os pais e familiares comecem a comprar as roupas que encontrarem pela frente para o enxoval do bebê. E isso é natural, afinal é a melhor maneira de imaginar a futura criança que irá alegrar a família.

No entanto, algumas questões devem ser levadas em consideração na escolha dessas roupas, roupas de cama, capas para berço e outros e uma das mais importantes é o tecido utilizado em sua confecção. Por isso, separamos algumas informações para te ajudar!

Enxoval do bebê

Considere as estações do ano para pensar no enxoval do bebê

A estação do ano em que o bebê irá nascer influencia muito na composição do enxoval. Épocas com temperaturas mais baixas merecem roupas que esquentem. Já com o clima quente é importante deixar a criança bem fresquinha, para evitar possíveis irritações na pele.

Ainda assim, é importante ter sempre uma peça coringa, com o tecido ideal que aqueça e zele pela saúde do neném, considerando a climatização de determinados ambientes. Mesmo no verão, nunca se sabe se o local terá um vento inesperado ou ar-condicionado. Dessa forma, um casaco, manta ou xale deve compor o guarda-roupa.

Entre as opções de escolha dessas roupinhas estão confecções com algodão, tecidos mistos, lã, plush e muito mais. Conheça um pouco sobre as características de cada uma delas!

Saiba quais os melhores tecidos para o enxoval

Comece fazendo uma lista de tudo que precisa comprar para o enxoval do bebê. São muitos os objetos para quarto, roupas, banho, que é melhor garantir tudo antes do bebê nascer. Agora, é preciso definir os tecidos. Entenda melhor cada tipo:

  • Algodão

Essa é a alternativa de tecido mais adequado para a saúde e bem-estar do neném. As roupas feitas com ele são confortáveis e bem macias, proporcionando a transpiração ideal do pequeno. Se estiverem no tamanho certo, não vão provocar assaduras, o que já é menos uma preocupação para os pais.

O algodão também não costuma causar alergias, principalmente por sua facilidade na lavagem, por isso em geral é utilizado como tecido para o quarto do bebê. Se você ainda não escolheu o berço, veja dicas para definir o berço ideal.

O único porém é que encontrar tecidos 100% algodão podem ter preços um pouco mais elevados no mercado.

  • Lã, linho e cashmere

enxoval do bebê

Os pequeninos ficam bem elegantes com roupinhas feitas de lã, cashmere ou linho, além de bem protegidos do frio. Pode ser uma boa alternativa para cobertores no inverno. Porém, esses tecidos só devem ser utilizados caso o bebê seja livre de alergias.

Caso contrário, algumas reações podem ser muito comuns devido aos pelos que esses tecidos soltam e atingem olhos, nariz e boca, além de irritabilidade na pele, que parecem pequenas picadas de inseto.

Se o neném não tem problema com a utilização desses tecidos, vale lembrar que não é bom lavá-los na máquina, pois podem ser danificados.

  • Tecido misto

No caso do tecido misto, ele é composto por 20% de poliéster e 80% de algodão e muitas roupinhas de bebê trazem essa composição. Ela traz uma grande vantagem para aqueles que cuidam da manutenção do enxoval, isso porque o tecido não amassa e a secagem costuma ser mais rápida que o normal.

Mas é necessário ficar atento em dias de muito calor, afinal o tecido esquenta muito quando a criança está em locais com altas temperaturas.

  • Lycra com algodão

Essa é uma opção bastante válida na escolha de tecido para o bebê. Isso porque as roupas são bem confortáveis e elásticas, adequando-se bem aos movimentos, permitindo brincadeiras bem confortáveis para a criança.

Além disso, outros atrativos para confecções com lycra misturada ao algodão é que o caimento é perfeito no pequeno corpo dos nenéns e a lavagem é muito fácil!

Mais dicas para o enxoval do bebê

Entre as considerações na escolha do enxoval, também é importante o quesito conforto. Na rotineira troca de roupa do bebê, fica mais fácil – tanto para o neném quanto para quem for realizar a troca – se não for necessário passá-la pela cabeça. Por isso, melhor optar por roupas com abertura na frente ou do lado.

Quando a abertura está localizada nas costas, dificulta fechar os botões ao mesmo tempo em que se segura a criança. Além disso, os fechos podem machucar o bebê quando for deitado ou caso encoste-se a alguma superfície.

Outra dica que facilitará a vida dos pais é lavar todo o enxoval do bebê, tanto as roupinhas, como sapatos, roupas de cama, toalhas e o bebê conforto – utilizando sabonetes neutros – um tempo antes da previsão do parto, para que elas estejam todas limpas, evitando trabalho desnecessário nesse momento tão importante. A lavagem dos estofados do quarto também é essencial, uma vez que podem acumular ácaros, fungos e bactérias.

E você, já está preparado para receber o seu bebê? [kkstarratings]